quarta-feira, 24 de maio de 2017

SERÁ QUE BEBER UM POUCO É MESMO MELHOR DO QUE NÃO BEBER?...

FONTE: *** Jairo Bouer (http://doutorjairo.blogosfera.uol.com.br).


Muitos estudos já mostraram que pessoas que consomem pequenas quantidades de álcool todos os dias têm menos risco de doenças do coração quando comparadas às que não bebem nada. Mas, segundo uma revisão de 45 trabalhos sobre o tema, isso não acontece porque a bebida alcoólica tem algum efeito terapêutico.

Os pesquisadores da Universidade de Victoria, no Canadá, responsáveis pela análise, chegaram à conclusão que indivíduos que bebem uma taça de vinho todos os dias muitas vezes mantêm esse hábito conforme envelhecem porque são saudáveis. Mas não são mais saudáveis porque bebem.

Da mesma forma, muitos abstêmios mantêm a condição porque algum problema de saúde ou remédio impede que consumam álcool. O que é bem diferente de achar que não beber pode fazer mal. As conclusões foram descritas no Journal of Studies on Alcohol and Drugs.

Uma outra revisão publicada esta semana revela que uma única taça de vinho por dia é capaz de elevar o risco de uma mulher ter câncer de mama antes da menopausa em 5% e, depois da última menstruação, em 9%. O trabalho envolveu 119 estudos, com um total de 12 milhões de mulheres, e foi financiado pelo Fundo Mundial de Pesquisas sobre Câncer.


Entender os efeitos isolados do álcool sobre a saúde não é fácil, pois quem é moderado na bebida também costuma ser moderado em outros aspectos da vida que impactam no risco de doenças. De qualquer forma, essas duas grandes revisões mostram que é preciso ser um pouco cético ao ouvir que beber um pouco é melhor do que não beber nada.

ORGASMO INDESCRITÍVEL: PRATICANTES DO SEXO TÂNTRICO REVELAM EXPERIÊNCIAS...

FONTE: Gabriela Guimarães e Rita Trevisan, Colaboração para o UOL (http://estilo.uol.com.br).

Estabelecer uma conexão profunda com o par, aplicar técnicas de massagem que estimulam o corpo todo ou simplesmente desencanar do orgasmo – colocando o foco no processo e não no objetivo a ser alcançado – são alguns dos segredos dos praticantes para atingir vários orgasmos seguidos, com ondas de prazer que podem durar horas.

Multiorgasmos e ondas de prazer que podem durar horas.
Conheço a prática há mais de dez anos, já fiz três vezes o treinamento multiorgásmico para casais, em um centro especializado. No começo, a experiência foi difícil, pois o primeiro exercício é olhar no olho do parceiro e, nesse momento, muitos medos e ansiedades surgem. Mas, com o tempo, o sexo tântrico foi nos conectando mais e mais. A grande diferença entre a prática e o sexo tradicional é que você não tem o objetivo único de ejacular. O objetivo é conectar-se com a outra pessoa em um nível mais profundo. Isso permite que o casal tenha multiorgasmos e ondas de prazer que podem durar horas. Durante o sexo tântrico, sinto prazer quando sou tocada em várias partes e não apenas nos genitais e, no orgasmo, meu corpo todo vibra, porque está estimulado. É claro que não dá para fazer sempre, porque o ritual completo pode durar de três a cinco horas. Mas é possível aplicar algumas técnicas a cada vez que se faz amor, para ter uma experiência mais plena em todas as relações sexuais. (Renée Marie Adolphe, 42 anos, psicóloga)

Orgasmo é intenso e indescritível.

A proposta é explorar todas as possibilidades de prazer entre um casal, desde experiências olfato-gustativas (onde o cheiro tem um papel central), até a exploração do tato por toda a extensão do corpo, culminando com manobras genitais. Eu e minha mulher conhecemos a prática em um curso de massagem, em 2013. Depois, participamos de vários workshops em um centro especializado em tantra. Com isso, acabamos ressignificando várias práticas que a gente já conhecia, como a própria penetração. No sexo tântrico, o prazer é muito maior, como também é muito mais profunda a conexão e a sintonia que se estabelece entre o casal. É possível sentir a energia vibrando no corpo do seu parceiro. Para nós, o ponto alto do sexo tântrico é a penetração passiva, quando o homem fica sem se movimentar e a estimulação do pênis ocorre por meio dos movimentos involuntários dos anéis vaginais. Assim, o casal chega junto a um orgasmo intenso e indescritível. (Milson Filho, 48 anos, economista)

Há a percepção do corpo e dos sentidos.

O amor tântrico é diferente da experiência da sexualidade atrelada à fantasia e ao erotismo. Ele traz uma proposta de ampliação da percepção do corpo e dos sentidos, que torna a experimentação da intimidade entre o casal mais humana e muito mais satisfatória. Eu e meu marido começamos a estudar a prática em 2005 e ainda continuamos nosso processo de desenvolvimento, pois o tema é vasto. A principal diferença do sexo convencional para o tântrico é que, no segundo, não há pressa. Ambos os envolvidos não querem desesperadamente chegar a algum lugar, não querem acabar logo. Além disso, o que descobrimos em nossas pesquisas é que o orgasmo é um fenômeno que não está restrito ao pênis ou a vagina. No trabalho, há técnicas que despertam e expandem a bioeletricidade corporal, linkando todas as cadeias musculares ao reflexo orgástico. A experiência se torna mais intensa e duradoura, porque todo o corpo sente. É comum experimentar orgasmos de 20, 30, 50 minutos ou mais. (Patrícia Agra, 29 anos, terapeuta)

O orgasmo não fica restrito à vagina e clitóris.

Para mim, o sexo tântrico é um estado de presença. É uma prática que me conecta com a minha própria energia sexual. Minha primeira experiência com o tantra foi com a massagem, em 2015, e foi muito reveladora. Pude perceber o quanto de bloqueios havia em mim e o quanto eu podia me libertar e me empoderar por meio da minha energia sexual. Foi uma verdadeira explosão de sensações, que eu jamais imaginei que pudesse sentir. No sexo tântrico experimento todo o meu corpo de uma forma incrivelmente prazerosa, o orgasmo não fica restrito à região genital. No sexo tradicional, geralmente ocorre um ou dois picos de prazer e há uma baixa imediata da energia. No tantra, ocorrem diversos picos e a energia aumenta a cada pico atingido. Mas a questão da duração é relativa, tudo vai depender do grau de conexão e sintonia entre os parceiros. O que realmente importa é o estado de presença, que pode fazer um breve instante durar uma eternidade. (Roberta Oliveira, 33 anos, advogada)

É preciso muito treino.


Conheci a prática em um curso que fiz, em 2009. Comecei a testar no mesmo ano e posso garantir que ainda não consegui chegar a todas as possibilidades que ela oferece. Devo dizer, no entanto, que a minha primeira experiência foi um desastre. Minha mente ocidental e adaptada aos filmes eróticos e a modelos totalmente errados de sexo não me ajudou em nada nesse primeiro contato. Mas não desisti e continuei minha busca. Com isso, fui me desenvolvendo e, no processo, cheguei a praticar por nove horas. No sexo tântrico, um parceiro sente o outro em sua totalidade. Quando existe penetração, ela não tem aqueles movimentos que os homens estão acostumados, os movimentos são sempre muito leves e lentos. Aproveitamos todo o caminho, sem nos preocuparmos com o destino. No caso do homem, como não há ejaculação ligada ao orgasmo, é possível experimentar o prazer por muito mais tempo. No caso das mulheres, os orgasmos são mais longos e intensos porque não são apenas clitorianos. (Daniel Carletti, 38 anos, terapeuta). 

HOMEM NEGRO QUE RECEBEU PÊNIS TRANSPLANTADO DE DOADOR BRANCO FARÁ TATUAGEM PARA PINTAR ÓRGÃO...

FONTE: Redação/RedeTV! (http://www.redetv.uol.com.br).

Um das primeiras pessoas em todo o mundo a receber um transplante de pênis, um homem negro de 40 anos precisará passar por sessões de tatuagem para conciliar a cor do órgão transplantado com a de sua própria pele. Segundo informações do "Mirror", o doador era um homem branco.
A operação de transplante de pênis, apenas a terceira realizada com sucesso até hoje, ocorreu no último dia 21 de abril na África do Sul e durou aproximadamente 10 horas. De acordo com a publicação, o homem, que não teve a identidade revelada, perdeu o órgão após uma circuncisão malsucedida e terá, após alguns meses de recuperação, todas as funções do membro reestabelecidas.

"Ele é certamente um dos pacientes mais felizes que nós vimos em nosso consultório. Ele está indo extraordinariamente bem. Não existem sinais de rejeição e toda a estrutura reconectada parece ir bem. Espera-se que o paciente retome toda a parte urinária e reprodutiva do órgão pelo menos seis meses depois do transplante", afirmou Dr. Andre van der Merwe, líder do time responsável pela operação e chefe do departamento de urologia da Universidade de Stellenbosch.
A diferença entre a cor da pele do paciente e do doador, contudo, será resolvida através de sessões de tatuagem médica e partem do mesmo fundamento de tatuagem nos mamilos após uma mastectomia.

"O paciente é negro e o doador era branco. Nós temos realmente poucos doadores para esse transplante, mas esse é o único problema. A discrepância de cor entre o destinatário e o do doador de órgão será corrigido com tatuagem médica entre seis ou oito meses depois da operação", finalizou Dr. Andre van der Merwe.

8 COISAS QUE ACONTECEM COM SEU CORPO QUANDO PARA DE FAZER SEXO...

FONTE:Redação (http://www.msn.com).

Os benefícios do sexo vão além das sensações de prazer e bem-estar, sendo essenciais também para saúde. Porém, com uma rotina intensa de trabalho, estudos e compromissos, a relação sexual pode acabar ficando de lado. O que poucos sabem é que a ausência de sexo pode afetar as pessoas, fisicamente e emocionalmente, sem que tenham consciência disso.

Confira alguns prejuízos que a abstenção sexual pode trazer para o organismo:

1- Deixa o sistema imunológico mais vulnerável.
"A prática de relações sexuais contribui para o estímulo do sistema imunológico, diminuindo os riscos do indivíduo pegar uma gripe ou resfriados. Por isso, deixar de fazer sexo aumenta o risco de contrair infecções", comentou a ginecologista Flavia Nogueira de Leoni, da Doctoralia.

De acordo com pesquisadores da Universidade Wilkes-Barre, nos Estados Unidos, pessoas que praticam sexo uma ou duas vezes por semana alcançam um aumento em 30% da imunoglobulina A (IgA), substância que estimula o sistema imunológico e colabora com o combate de infecções.

2- Aumenta as dores de cabeça.
Um estudo feito por cientistas da universidade de Münster, na Alemanha, revelou que o sexo pode ser o analgésico natural para a dor de cabeça, podendo aliviar enxaqueca e cefaleia em salvas, o tipo de dor de cabeça mais forte que existe. Entre os 400 entrevistados pela pesquisa, 60% dos pacientes com enxaqueca e 36% dos que tinham cefaleia sentiram-se melhor depois da relação sexual.
"A ausência do sexo no dia a dia pode deixar você mais cansado e aumentar as dores de cabeça. Fazer sexo com frequência aumenta a produção de endorfina e ocitocina, hormônios que ajudam a evitar o aparecimento de dor de cabeça. ", afirmou a ginecologista.

3- Reduz a flexibilidade.
Se você anda sentindo muitas dores no corpo ou dificuldades em realizar tarefas cotidianas, pode existir uma simples explicação: falta de sexo. "Quanto mais uma pessoa fizer sexo, mais saudável o organismo dela será. A relação sexual proporciona um relaxamento dos músculos, aumentando a flexibilidade. Desta forma é comum sentir dores no corpo quando se volta a fazer sexo", disse Dra. Flavia Leoni.

4- Aumenta a ansiedade e o estresse.
Segundo um estudo realizado pela Universidade do Oeste da Escócia, a ausência de sexo pode aumentar a pressão sanguínea, podendo estar relacionada ao estresse Durante a pesquisa, os voluntários fizeram um diário de suas atividades sexuais por duas semanas. A pressão deles também era monitorada em diferentes momentos do dia. O estudo mostrou que, ao fazer sexo, a pressão arterial diminuía. No entanto, a ausência acaba aumentando o problema. A explicação é que a produção de hormônios calmantes aumenta muito durante a relação, influenciando de forma positiva a pressão.

5- Diminui a autoestima.
De acordo com a ginecologista Flávia Nogueira de Leoni, não ter relações sexuais causa um declínio na felicidade do casal: "Se a pessoa tem uma relação fixa, só pelo fato de não fazer sexo com o parceiro pode afetar a autoestima. O homem passa a questionar sua masculinidade e a mulher a achar que o companheiro pode estar traindo". Além disso, a abstinência sexual resulta em alterações no humor, podendo levar o indivíduo até a um quadro depressivo, já que ele passa a questionar se existe algum problema com si.

6 - Piora a qualidade do sono.
Você já reparou que após o sexo muitas pessoas têm o costume de dormir, isso não está relacionado apenas ao cansaço do momento. "Durante o orgasmo nosso corpo libera endorfina e oxitocina, substâncias que causa sensação de bem-estar e resultando em um sono mais profundo", comentou a ginecologista. Para os especialistas, essa é a única atividade física que se pode praticar antes de dormir.

7 - Reduz a lubrificação da mulher.
Deixar de transar pode afetar completamente os hormônios e o organismo da pessoa "Quando uma pessoa deixa de fazer sexo, sua libido também é afetada. No entanto, a libido está relacionada a lubrificação e excitação. Por esse motivo, ficar muito tempo sem relação pode ocasionar em dores ou dificuldades ao voltar a realizar o ato sexual, tanto no caso de mulheres quanto homens ", finalizou a ginecologista.

8 - Deixa o cabelo e pele com menos brilho.

Esse é um problema muito comum e notável para as mulheres. Como já dito anteriormente, a falta de sexo pode diminuir a autoestima, por isso algumas pessoas deixam de cuidar da beleza. Contudo, os hormônios liberados durante o sexo ajudam na produção de nutrientes, como o colágeno, essenciais para manter o brilho e elasticidade da pele.

IBGE PRORROGA INSCRIÇÕES PARA CONCURSO...

FONTE: Redação, CORREIO DA BAHIA.
Edital oferece 24.984 vagas de trabalho temporário para o Censo Agropecuário. Os interessados devem se cadastrar no site da Fundação Getúlio Vargas e as taxas custam de R$ 22 a R$ 39,50.
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) prorrogou até as 23h59 de sexta-feira (26/5) o período de inscrições para 24.984 das 26.023 vagas oferecidas no concurso que selecionará profissionais de todos os níveis de escolaridades para trabalharem no Censo Agropecuário 2017. O prazo inicial estava previsto para terminar ontem (23/5).
Os interessados devem se cadastrar acessando o site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), no endereço: www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/ibge-pss. As taxas custam de R$ 22 a R$ 39,50.
Neste ano, o IBGE divulgou dois editais. O primeiro, com um total de 1.039 postos, teve o período para registro de candidaturas encerrado em 9 de maio. As demais oportunidades fazem parte do segundo edital.

Do total de chances em disputa no concurso do IBGE, 5% são reservadas a pessoas com deficiência e 20% a candidatos negros.

ESTUDO: COGUMELOS SÃO DROGAS RECREATIVAS MAIS SEGURA; METANFETAMINA É A MENOS...

FONTE: Do UOL, em São Paulo (http://noticias.uol.com.br).



Os cogumelos alucinógenos parecem ser a droga mais segura quando usada de forma recreativa. Isso é o que mostra uma pesquisa internacional sobre o uso de drogas.

Das mais de 10 mil pessoas entrevistas que usaram a droga no último ano, apenas 0,2% relatam ter procurado algum serviço médico de emergência.

O estudo The Global Drugs Survey 2017, divulgado nesta quarta (24), reúne os hábitos de consumo de drogas de 120 mil pessoas em 50 países.

Os usuários de metanfetamina, cerca de 1.400, são os que tiveram mais casos de emergência médica (4,8%), sendo que mulheres relataram problemas mais frequentemente, 8,2% das que usaram metanfetamina.
A pesquisa tem ainda informações sobre hábitos de consumo de álcool, MDMA ou 'ecstasy', anfetamina, cocaína, LSD e maconha. Maconha, LSD e cogumelos mágicos foram as drogas mais consumidas entre os participantes.

A idade média dos participantes era de 29 anos e 65% admitiram terem consumido alguma substância ilegal nos últimos 12 meses.

"Morte por conta da toxicidade (de cogumelos mágicos) é algo quase desconhecido, sendo que o envenenamento com fungos mais perigosos apresenta risco muito maior", explicou Adam Winstock ao Guardian, psiquiatra e fundador da Global Drug Survey.

Dentre os entrevistados, a droga mais experimentada é a maconha, com mais de 89 mil participantes confirmando já terem usado. Na sequência, aparecem MDMA (38,5 mil), cocaína (34 mil) e cogumelos alucinógenos (28 mil).


Homens fumam mais maconha que mulheres.
A droga mais usada pelos participantes da pesquisa foi a maconha (mais de 60 mil), sendo que os homens contaram terem, em média, fumado maconha mais dias no ano que as mulheres.

Enquanto os homens fumaram cerca de 144 dias por ano, as mulheres relataram consumo médio de 110 dias nos últimos 12 meses.


Dos entrevistados no Brasil, 14,3% contaram fumar um baseado durante caminhadas.

MOVIMENTO DEFENDE APOSENTADORIA DE PROFESSORES...

FONTE: TRIBUNA DA BAHIA.

O professor brasileiro ganha 39% da média salarial dos educadores de países desenvolvidos.

Em meio à toda crise política, um movimento começa a ganhar corpo nas ruas e na internet, a partir de Salvador. O slogan “Aposentadoria, nosso professor merece”, arregimenta integrantes da categoria e grupos interessados em defender as conquistas do magistério, legitimadas pela Constituição federal e atualmente ameaçadas, após anos de lutas trabalhistas.
Quando o assunto é Educação, o Brasil figura entre as últimas colocações, ao serem comparados parâmetros como salários dos professores, condições de trabalho na escola e desempenho dos estudantes.
O professor brasileiro ganha 39% da média salarial dos educadores de países desenvolvidos. Em 14 estados brasileiros, não é cumprido o piso salarial destinado ao professor, ou seja, em mais da metade das unidades federativas do país, o piso de R$ 2.298 não é adotado. A ação “Aposentadoria, nosso professor merece” começa a ganhar espaço e quem quiser contribuir com ideias, participação e mobilização, pode acessar o site www.nossoprofessormerece.com.br.

A coordenadora da ação, Cínthia Carvalho diz que a mobilização tem acontecido naturalmente, “já que os professores, familiares e alunos aderem prontamente à essa causa que mexe com o coletivo para defender quem é responsável por formar cidadãos, qualificar profissionais de todas as áreas com a responsabilidade de construir um Brasil melhor”.

MULHERES CONFUNDEM PROBLEMAS NA TIREOIDE COM SINAIS DE STRESS...

FONTE:, Luiza Monteiro, (http://www.msn.com).


Cansaço, falta de motivação, dificuldade de se concentrar e infertilidade: o que esses problemas têm em comum? “Todos são causados pelo stress”, você pode responder. Certo, mas… nem sempre! Esses também podem ser sinais de que algo está errado com a tireoide.

As disfunções nessa glândula são mais comuns em mulheres. Para ter ideia, aos 60 anos de idade, 17% delas apresentam hipotireoidismo (tireoide pouco ativa) ante 8% entre os homens. Quando se trata do hipertireoidismo (muita liberação de hormônio), o cenário não muda: a encrenca é dez vezes mais comum no sexo feminino do que no masculino.

Mas, mesmo tão expostas às disfunções tireoidianas, a mulherada não está ligada nos sinais relacionados a elas. É o que demonstra uma pesquisa global encomendada pela empresa alemã de ciência e tecnologia Merck, que incluiu 6.171 voluntárias de setes países: Brasil, México, Chile, Itália, Arábia Saudita, Indonésia e França.

O levantamento mostra que a maioria das participantes desconhece os sintomas de distúrbios na tireoide ou relaciona-os apenas à rotina corrida que se leva atualmente. Quase metade das entrevistadas (49%) não suspeitou que o fato de sentirem-se cansadas/lentas todos os dias poderia ser causado pelo mau funcionamento da glândula localizada no pescoço. O mesmo vale para o sentimento de agitação e/ou dificuldade para dormir.

No Brasil.
Por aqui, as mulheres até associam a tireoide ao problema para ganhar ou perder peso ou à sensação constante de cansaço. Só que, segundo a pesquisa da Merck, a pouca capacidade de concentração, a falta de motivação, a ansiedade e irritabilidade são questões que as brasileiras não costumam relacionar aos males tireoidianos — que também podem estar por trás da infertilidade e da perda de audição, outros elos desconhecidos pelas participantes nacionais.

Diagnóstico e tratamento.

A principal forma de identificar o hipo ou o hipertireoidismo é por meio da dosagem de TSH, substância que estimula a glândula a trabalhar. É ela que promove a produção de T3 e T4, hormônios que definem o ritmo de funcionamento de todo o organismo.



No caso do hipotireoidismo, o tratamento é feito a partir da reposição hormonal – que deve ser feita para o resto da vida. Já a terapia do hipertireoidismo pode se dar tanto a partir de medicamentos que impedem a glândula de produzir novos hormônios quanto por meio da destruição do tecido da tireoide com iodo radioativo ou cirurgia.

CHAPE VENCE NOS ACRÉSCIMOS E LUTA NOS TRIBUNAIS POR VAGA NAS OITAVAS...

FONTE: Ivan Dias Marques (ivan.marques@redebahia.com.br), CORREIO DA BAHIA.
Time alviverde bateu o Zulia, de virada, na Arena Condá, e vai tentar reverter a punição da perda dos três pontos por uma escalação irregular.
O fim da Chapecoense na Libertadores parecia melancólico. Ontem, perdia para o Zulia, em casa, por 1 x 0, gol de Arango, até os 44 do 2º tempo. Aos 45, Arthur empatou. Um minuto depois Girotto virou. O heroico 2 x 1 deveria garantir a Chape nas oitavas. Deveria.
Tudo porque, mais cedo, o time catarinense havia sido punido com a perda de três pontos pela Conmebol pela escalação irregular do zagueiro Luiz Otávio na partida do dia 17, contra o Lanús. A Chape ainda irá recorrer.
O imbróglio começou porque, segundo a Conmebol, Luiz Otávio teria que cumprir suspensão de três jogos pela expulsão contra o Nacional do Uruguai. No entanto, o clube catarinense defende que não foi avisado e só soube do gancho por meio do delegado da partida contra o Lanús quando o jogo estava prestes a iniciar. Com aval da diretoria, o zagueiro foi escalado.

A Conmebol alega que avisou à CBF sobre a suspensão no dia 10 de maio. A CBF garante que, no mesmo dia, avisou da punição à Federação Catarinense de Futebol (FCF), que assegura ter comunicado à Chapecoense. Por enquanto, resta aos catarinenses a vaga à Sul-Americana com o 3º lugar, atrás de Lanús e Nacional, no grupo. Mas há esperança. 

JOVEM TEM CONDIÇÃO RARA QUE A FAZ SENTIR DOR AO COMER...

FONTE: Redação/RedeTV! (http://www.redetv.uol.com.br).


A jovem americana Kody Feragen, de 21 anos, sofre de uma rara condição conhecida como Síndrome de Wilkie - que causa dores no intestino e estômago ao ingerir alimentos. Por conta disso, a jovem não consegue comer um simples prato de comida. "Eu estava no inferno. Toda vez que comia algo a dor era surreal e tudo voltava. Parecia que meu estômago ia explodir", relatou a jovem ao site Mirror. 
Os sintomas começaram com náuseas e perda de apetite, e foram progredindo até causar a imensa dor relatada por Kody. No entanto, médicos se recusaram a dar o diagnóstico, pois acreditavam que a garota estava com algum tipo de distúrbio alimentar. 

Apenas há três meses Kody foi diagnosticada corretamente. Durante esse tempo, a síndrome fez com que Kody perdesse 38 kg, sendo 6 deles em apenas três dias - foi quando ela percebeu que estava doente. "Eu fui para a emergência muitas vezes, vi muitos médicos. Mas há muito julgamento". 
De acordo com a garota, ela já chegou a assistir pessoas degustando pratos de comida em vídeos do Youtube para sanar o desespero que sentia.
"Eu estou em uma cadeira de rodas, realmente perdi minha vida. É muito difícil, eu não entro em nenhuma roupa e estou muito desconfortável com a minha magreza", contou a garota, que está em tratamento e esperava se recuperar o mais breve possível. "Eles esperam consertar tudo, então estou tentando ter um pouco de esperança". 
No dia 19 de junho, ela fará uma pequena cirurgia para inserir um tubo por onde os alimentos e nutrientes passarão. Sua irmã, Jordan, criou uma página no site de financiamento coletivo You Caring, para ajudar Kody com as despesas médicas. 

SAIBA O QUE ACONTECE QUANDO VOCÊ PULA O CAFÉ DA MANHÃ...

FONTE: ***, Marina Felix (http://www.msn.com).

O café da manhã é realmente a refeição mais importante do dia? Segundo um estudo publicado recentemente no periódico científico American Journal of Clinical Nutrition, a resposta é sim. Os pesquisadores apontaram que o hábito de pular a primeira refeição do dia pode aumentar as chances de inflamações e resistência à insulina, favorecendo o risco de obesidade e diabetes tipo 2, fatores associados à síndrome metabólica.

Veja também:

A pesquisa.

Pesquisadores da Universidade de Honenheim, na Alemanha, testaram 17 adultos saudáveis em três situações diferentes: um dia em que pularam o café da manhã, um dia em que pularam o jantar e outro dia em que tiveram as três refeições diárias normalmente, segundo informações da revista americana Time. Apesar das mudanças, a quantidade de carboidratos, proteínas e gorduras nos três dias foi a mesma. Nos dias em que pularam refeições, as outras duas tiveram calorias extras para compensar.

A cada dia, amostras de sangue eram coletadas, entre o período das sete da manhã e as nove da noite, para medir os níveis hormonais, concentrações de glicose e insulina e a atividade do sistema imunológico. Os resultados mostraram que as pessoas queimavam mais calorias em um período de 24 horas quando pulavam o almoço (41 calorias) ou o jantar (91 calorias), comprovando estudos anteriores.

Inflamação crônica.

Os níveis de glicose e insulina não mostraram divergências entre os três dias. No entanto, as concentrações de glicose, atividade inflamatória e resistência insulínica eram mais altas quando os participantes não almoçavam ou não tomavam o café da manhã. Embora as pessoas tenham  queimado mais os estoques de gordura já existentes nos dias em que pulavam a primeira refeição, e isso possa parecer positivo, segundo os cientistas, podem haver desvantagens em longo prazo.

A prática pode, por exemplo, prejudicar a flexibilidade metabólica, ou seja, a capacidade do corpo de alternar entre a queima de gordura e carboidratos, aumentando as chances de inflamações e o desequilíbrio de glicose no sangue. Como a inflamação crônica é conhecida por afetar a sensibilidade à insulina, ignorar o café da manhã pode contribuir para o comprometimento do metabolismo, o que teria o potencial de aumentar o risco de obesidade e diabetes tipo 2.

Impacto do café da manhã.

De acordo com os especialistas, ainda são necessários outros estudos para avaliar o impacto do café da manhã no funcionamento do metabolismo. “Os dados não comprovam que pular o café da manhã afeta os níveis de inflamação. Os pesquisadores apenas mediram os níveis (da dieta sem café da manhã) após o almoço, sendo possível que essa inflamação diminua ao longo do dia”, disse Courtney Peterson, nutricionista da Universidade do Alabama, nos Estados Unidos, à Time.

Perda de peso.

O estudo também sugere que pular o café da manhã ou o jantar pode ajudar na perda de peso, uma vez que os indivíduos queimaram mais calorias durante esses dias. No entanto, ignorar refeições ou realizar jejuns intermitentes pode não funcionar para a maioria das pessoas e causar, até mesmo, o efeito contrário.

Se a ideia for perder peso, talvez seja melhor pular o jantar. “O metabolismo e o controle de açúcar no sangue são melhores na parte da manhã do que à noite, então alimentar-se no início do dia é essencial”, explicou Courtney .


*** Arquivado em: Saúde.

SISU ABRE INSCRIÇÕES PARA O SEGUNDO PROCESSO SELETIVO NA SEGUNDA-FEIRA...

FONTE: Mariana Tokarnia - Repórter da Agência Brasil, TRIBUNA DA BAHIA.


Neste processo, valerá a nota do Enem 2016. Para participar, os candidatos não podem ter tirado zero na redação do Enem.

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) abre inscrições, na segunda-feira (29), para o processo seletivo do segundo semestre deste ano. Pelo Sisu, os participantes concorrem a vagas em instituições públicas de ensino superior com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Neste processo, valerá a nota do Enem 2016. Para participar, os candidatos não podem ter tirado zero na redação do Enem.
O Sisu terá uma única chamada, e a divulgação do resultado está prevista para o dia 5 de junho. Também nesta data será aberta a lista de espera, que permanecerá disponível até 19 de junho.

No primeiro semestre, o Sisu ofereceu 238.397 vagas em 131 instituições, entre universidades federais, institutos federais e instituições estaduais. O MEC ainda não divulgou o número de vagas para este período.

'SE EU CHEGO NO MOMENTO IA ARRANCAR ELE DO TRIO', DIZ CORONEL DE FEIRA SOBRE KANNÁRIO...

FONTE: CORREIO DA BAHIA (redacao@correio24horas.com.br).
"Além de tudo, ele é mentiroso, de caráter duvidoso", afirmou comandante em entrevista de rádio.
O coronel Adelmário Xavier, do Comando de Policiamento Regional Leste (CRPL), em Feira de Santana, respondeu duramente às acusações feitas pelo cantor Igor Kannário durante e depois de sua apresentação na micareta da cidade. Na terça-feira (23), o coronel afirmou em entrevista ao programa de rádio do Acorda Cidade que se tivesse presenciado a cena de Kannário prenderia o cantor em flagrante por desacato. 
"Ia conduzi-lo à delegacia por desrespeito e desacato ao funcionário público em serviço. Se eu chego no momento eu ia arrancar ele do trio e ia fazer ele engolir aquele microfone para aprender a respeitar as pessoas, respeitar a Polícia Militar da Bahia", afirmou Xavier. 

Questionado se o policiamento é aumentado para o momento da passagem de Kannário, o coronel responde que já havia alertado o cantor. "A gente sabe o que pode acontecer e digo mais: mandei avisá-lo que ele se portasse com decência e como artista, ele concordou, quando chega no final do percurso ele faz um negócio desse. Quando tomei conhecimento do fato, ele já tinha deixado o circuito, eu ia conduzi-lo, como diz o linguajar, embaixo de vara"
O coronel afirma que não vai tomar particularmente nenhuma ação contra Kannário. "Esse fato já é de conhecimento do Comando Geral e da Corregedoria (...) Logicamente que estou concluíndo relatório e encaminharei dando ciência de tudo que aconteceu", diz. "Faltou uma resposta dura da Polícia Militar, o que não aconteceu porque eu não estava mais no circuito na hora". 
O comandante ainda diz que Kannário mentiu em sua nota oficial. "(Ele) Soltou uma nota dizendo que falou com comandante da polícia e que o comandante pediu desculpa. Jamais conversei com Igor Kannário. Tomei conhecimento depois do fato e nenhum momento estive com Igor Kannário. Além de tudo, ele é mentiroso, sem caráter, de conduta duvidosa. Isso não dá ele direito de autoridade. Pelo fato de ser vereador, ele tem que ter todos esse requisitos para se intitular autoridade", diz. 

Xavier conclui afirmando que não há indício de que a policial militar se excedeu na ação. "Se a policial tivesse praticando agressão física, os oficiais diriam isso. Pela filmagem a gente não ve nenhuma irregularidade, ele devia estar delirando, porque isso que ele faz a vida toda dele", finaliza.

JOVEM É ALVO DE COLEGA MACHISTA APÓS SER PROMOVIDA E RESPONDE À ALTURA...

FONTE: Redação/RedeTV! (http://www.redetv.uol.com.br).


A jovem Azita Rahman deu uma resposta à altura para um colega de trabalho que fez um discurso machista para desmerecê-la após ela ter sido promovida. Para ele, "homens são melhores com números" e ela deveria ser "uma secretária".
Segundo a imagem compartilhada no Twitter, o colega escreveu: "Sem querer ofender, mas eu acho que você não merece essa promoção. Eu trabalho duro e trago o café dela [da chefe] todos os dias...e você é muito emocional na hora de decidir. Não sou sexista, mas essa vaga cairia muito melhor para um homem. Homens são melhores com números, somos bons contadores. Você teria muito mais sucesso como uma secretária".

Depois, o colega não identificado encerrou a mensagem reforçando para que ela não sinta ofendida, pois ele estava apenas "sendo honesto". "Espero que você não leve isso para o outro lado", concluiu.

Respondendo ao ataque, a jovem afirma ter trabalhado muito para ser reconhecida enquanto ele "estava sentando a bunda branca para digitar e enviar besteiras para ela", além de ficar "agindo como se merecesse tudo no mundo e renunciando ao trabalho duro simplesmente porque é um homem". "Desculpe se seus genitais e a cor da sua pele não agiram a seu favor desta vez. Talvez na próxima promoção", escreveu. 
Ao Buzzfeed, Azita, que é estudante da Universidade da Califórnia (Estados Unidos), disse que respondeu o colega porque estava cansada de sofrer com o sexismo no ambiente de trabalho.
Segundo o indy100, do jornal The Independent, ela levou o caso ao RH da empresa, porém não há informações sobre as consequências do ataque.

PROVEDOR DA SANTA CASA DA BAHIA É ELEITO ENTRE MAIS INFLUENTES NA ÁREA DE SAÚDE...

FONTE: CORREIO DA BAHIA (redacao@correio24horas.com.br).

A premiação contou com votos de profissionais da área e do grande público através do site.

O provedor da Santa Casa da Bahia, Roberto Sá Menezes, foi eleito pelo Grupo Mídia de São Paulo uma das pessoas mais influentes do setor de Saúde no último ano, na categoria Filantropia. Ele participou do jantar de gala que celebrou a 5ª edição do prêmio "100 Mais Influentes da Saúde". A Santa Casta é gestora do Hospital Santa Izabel. 
"É gratificante acompanhar os resultados da atuação social da Santa Casa. Nos empenhamos em oferecer o melhor serviço, a melhor estrutura, os melhores equipamentos e os melhores profissionais, independente do paciente ser SUS, particular ou associado a um plano de saúde", comenta Sá Menezes. 
A premiação contou com votos de profissionais da área e do grande público através do site 100maisinfluentesdasaude.com.br. Foram escolhidos nomes de destaques de hospitais, laboratórios, indústrias e operadoras em 20 categorias.

O evento foi no dia 18 de maio, em São Paulo.

JUSTIÇA ESPANHOLA MANTÉM PENA DE 21 MESES DE PRISÃO PARA MESSI...

FONTE:, CORREIO DA BAHIA.

Craque argentino foi condenado por três crimes fiscais; no entanto, não irá preso porque a pena será convertida em multa.
A Suprema Corte da Espanha manteve a pena de 21 meses de prisão a Lionel Messi, craque do Barcelona, por três crimes fiscais. O argentino foi condenado em primeira instância em julho de 2016 pela sonegação de 4,1 milhões de euros (aproximadamente R$ 15 milhões), referentes aos anos de 2007 a 2009, quando obteve lucros não declarados de mais de 10 milhões de euros (R$ 36,5 milhões). O jogador, no entanto, não corre risco de ser preso. Pelo código criminal espanhol, penas inferiores a 24 meses podem ser transformadas em multas.
Messi foi considerado culpado da acusação de utilizar empresas em paraísos fiscais para burlar o fisco e terá que pagar multa de 2 milhões de euros (R$ 7,3 milhões). Já seu pai, Jorge, teve sua pena de 21 meses de reclusão reduzida para 15 meses e terá de pagar 1,5 milhão de euros (R$ 5,4 milhões) em multa.

Segundo o Ministério Público espanhol, o mecanismo utilizado pela dupla consistia em "simular" acordos de direitos de imagem do jogador para empresas de fachada sediadas em locais como Uruguai e Belize. Dali, novos contratos eram fechados para a transferência de recursos para o Reino Unido ou para a Suíça.